loading...
Conhecendo as Espécies

Couroupita guianensis

14:44:00





Embora desperte atenção, muita gente ainda não conhece esta bela espécie amazônica que se adaptou tão bem em diversas regiões do Brasil.
A Couroupita guianensis ficou conhecida popularmente como abricó-de-macaco, macacarecuia, curupita, castanha-de-macaco, cuia-de-macaco, árvore-de-macaco, amêndoa-dos-andes ou cuiarana, e pertence a família botânica Lecythidaceae.
Originária da América do Sul ou seja da Floresta Amazônica, seu ciclo de vida é perene e sua multiplicação acontece através de sementes.
O abricó-de-macaco é uma árvore muito ornamental, apresenta folhas simples, alternadas, e de formato elíptico a lanceolado. Suas flores possuem seis pétalas esverdeadas, alaranjadas ou vermelhas e curiosamente surgem do tronco, em longas inflorescências do tipo rácemo, que podem chegar a 3 metros de comprimento, com seus estames brancos, amarelos ou róseos com anteras amarelas, esta bela flor não passa desapercebida aos apreciadores da Natureza. As flores carnosas e com um delicado aroma de rosas, atraem abelhas e mamangavas, que encarregam-se da polinização. Sua floração pode perdurar por todo o ano, embora se intensifique na primavera e verão.
Seus frutos chamam atenção pelo tamanho, são grandes cáspulas globosas, de casca marrom e lenhosa, que podem pesar até 3 quilos, levam em média 1 ano para amadurecer e se tornam um perigo quando caem. Com cerca de 20 cm de diâmetro, o fruto ganhou o nome em inglês de cannon ball tree (árvore-bola-de-canhão). Sua polpa é gelatinosa, possui cor azulada com cerca de 200 a 300 sementes, embora comestíveis, os frutos possuem aroma desagradável, o que causa desinteresse para o consumo servindo assim apenas de alimento aos animais domésticos e principalmente aos macacos.
Mesmo sendo muito ornamental não se aconselha plantá-la em locais com circulação de pessoas e automóveis, para se evitar acidentes com os pesados frutos. O abricó pode chegar aos impressionantes 35 metros de altura se plantado em fazendas, parques, grandes jardins ou jardins botânicos. Seu crescimento é considerado rápido, necessitando apenas de tutoramento nos primeiros anos após seu plantio, aprecia o calor e a umidade, mas nos primeiros anos é aconselhável uma proteção da muda durante o sol quente do meio-dia, já que na floresta amazônica esta proteção é feita naturalmente pelas copas das árvores maiores.
Para melhor desenvolvimento deve ser cultivada sob sol pleno, em solo fértil, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente, tolera até pequenos encharcamentos. Com todos estes cuidados as florações surgem a partir do quinto ano.






Visite também nossos Blogs: Multiflora, Multi Vasos, Mais Plantas, Segredo das Orquídeas, Remédios da Vovó, Pet de Casa, Receitas Tianastacia, Jardim de Remédios e Moldes Fibratech, um deles terá a informação que você procura. Fique sempre atualizado seguindo o perfil da Multifloranet nas redes sociais.

Postagens Relacionadas

0 comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...